N49 – Explosão Cósmica


N49 - Explosão Cósmica

Essa imagem  mostra os restos dispersos de uma explosão cósmica da supernova que iluminam o céu nesta imagem impressionante, baseada em dados do telescópio espacial de Hubble. Catalogado como N49, estes filamentos incandescentes de extensão de gás estão aproximadamente a 30 anos-luz de nós, em nossa galáxia vizinha, a Grande Nuvem de Magellanic (Magalhães). São luzes da explosão original das estrelas, de milhares de anos atrás e vistas, hoje, da Terra .

Mas a N49 marca também a posição de uma outra explosão energética – uma explosão extremamente intensa de raios gama detectados por satélites no dia 5 de março de 1979. Essa data era o começo de uma viagem emocionante na astrofísica, que conduziu investigadores à compreensão de uma nova e exótica classe de estrelas.

A fonte “do evento 5 de março” é atribuída agora a um magnetar – uma estrela de nêutron altamente magnetizada, girando carregada também na antiga explosão estelar e que criou o resto da supernova N49. Os velozes magnetar atravessam os restos da nuvem da supernova acima de 1.200 quilômetros por segundo.

 

Crédito da Foto: Equipe da Hubble Heritage (STScI/AURA), Y. Chu (UIUC) et al., NASA

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s