Átomo


Depois de ler um artigo no Café com Ciência, sobre Analogia. Aonde o Vinicius Placco faz uma analogia sobre o tamanho do átomo. Resolvi fazer esse artigo a respeito do átomo. O artigo ficou muito grande, então resolvi criar uma página para ele e está disponível a aqui: Átomo.

Em resumo, tudo começou com a busca do elemento primordial da matéria prima que compõe o Universo, há mais de 25 séculos na Grécia. Vários filósofos discutiram esta questão, como Tales de Mileto que afirmou que o elemento primordial do Universo era a água, enquanto para Anaxímenes de Mileto era o ar. Para Xenófanes de Cólofon a terra era a substância primordial e para Heráclito de Éfeso era o fogo.

esfera

A noção de átomo ofereceu à filosofia ocidental uma das mais importantes alternativas de especulação e de pesquisa. Foi o instrumento principal da explicação mecânica das coisas e, em geral, do mundo. Leucipo de Mileto e Demócrito apresentaram uma visão segundo a qual todas as coisas no Universo são formadas por um único tipo de partícula – o átomo, um elemento corpóreo, invisível pela sua pequenez e não divisível.

O átomo só voltou a ser citado na Europa por volta do século XV, graças a Nicolau Copérnico e Galileu Galilei. Eu diria que aqui o átomo começa a sair da filosofia e começa a ser analisado físicamente. Mais tarde foi citado por Isaac Newton. Até aqui o pensamento geral era de que o átomo era indivisível. A primeira evidência experimental sobre a estrutura do átomo foi verificada pelo físico e químico inglês Michael Faraday que viveu durante final do século XVIII, início do século XIX.

Chegamos então a definição atual do que é átomo. Átomo é a menor partícula que ainda caracteriza um elemento químico. Ele é constituído por um núcleo formado de nêutrons e prótons. Cercado por elétrons.

atomo

Aqui chegamos aonde eu me lembrei da analogia que o Vinicius usou. Acho que a proporção entre o núcleo e os elétrons não seria, analogicamente falando, da proporçao de uma cabeça de alfinete e o Maracanã. Eu diria que teria que ser bem mais do que isso, algo em torno de uma cabeça de alfinete para uma Quinta da Boa-Vista que fica do lado do Maracanã. Ou para que mora em São Paulo como um Ibirapuera, ou em Brasília como a Esplanada dos Ministérios.

O átomo deixou de ser a menor particula no século XIX para dar lugar aos prótons, nêutrons e elétrons. E no século passado esses elemento deixaram de ser os menores, os físicos encontraram as partículas atômicas fundamentais. E as dividem em três categorias: quarks, léptons e bósons.

Voltamos a criar teorias para explicar o mundo, porque não temos instrumentos suficiente preciso ou suficiente capaz de encontrar todas essas partículas fundamentais. Estamos investindo mais do nunca para atingir essa meta e descobrir mais segredos do universo. Qual será o próximo passo? Existe algo menor as partículas atômicas fundamentais? Existem realmente uma partícula primordial?

Anúncios

3 Respostas para “Átomo

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s