Estrela Parruda


Astrônomos britânicos descobriram o que se acredita ser a estrela de maior massa do universo, a massa atual do astro é 265 vezes maior que a do Sol e a luminosidade cerca de 10 milhões de vezes mais intensa.

A estrela, batizada de RMC 136a1, faz parte do agrupamento de estrelas jovens RMC 136a que fica em uma galáxia vizinha à nossa, a Grande Nuvem de Magalhães, a 165 mil anos-luz de distância. Nessa Nuvem encontra-se N64 que mostra os restos dispersos de uma explosão cósmica da supernova.

Esse agrupamento e o agrupamento NGC 3603 – a 22 mil anos-luz do sol, na Nebulosa da Tarântula foram apelidados de “fábricas de estrelas“, já que novos astros se formam constantemente a partir da extensa nuvem de gás e poeira das nebulosas.

Lembrando que massa não quer dizer que esse astro seja o maior do universo, como estão dizendo por aí, porque massa e tamanho e peso são distintos. Embora a R136a1 seja a estrela de maior massa já encontrada, outras estrelas menos densas e com diâmetros maiores que a dela já eram conhecidas pelos astrônomos.

O mais interessante disso tudo é que uma estrela desse tipo é muito rara e sua explosão afetaria a dinâmica do universo. A estrela, hoje, está na metade do seu tempo de vida, mas as estrelas com o passar do tempo vão perdendo massa, tem que classificar qual seria o destino desse astro.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s