Como criar um buraco negro?


Qual é massa realmente necessária para entrar uma estrela em colapso e formar um buraco negro? Essa pergunta é que os astrônomos estão se fazendo.

Depois da descoberta de um magnetar, um tipo particular de estrela de nêutrons com um campo magnético um bilhão de vezes maior que o da Terra, foi detectado no cúmulo estelar de Westerlund 1, a 16 mil anos-luz da Terra. Que foi gerado pelo colapso de um astro com grande massa deveria ter criado um buraco negro.

Segundo a teoria sobre a evolução das estrelas vigente até agora, esses astros luminosos cuja massa inicial está entre 10 e 25 massas solares formam estrelas de nêutrons, e os que têm uma massa superior a 25 massas solares devem produzir um buraco negro.

Como uma estrela com mais de 40 massas solares consegue não evoluir até um buraco negro?

Fiquem com a impressão artística de uma estrela de nêutrons, mesmo porque o buraco negro não se formou.

Anúncios

3 Respostas para “Como criar um buraco negro?

  1. Prezado Marcellus,

    Tenho frequentado seu blog muitas vezes; numa delas, na seção Possibilidades, li seu post “Introdução sobre a origem dos números”, que julguei muito importante.

    Não encontrei, porém, qualquer referência ao osso de Ishango, descoberta arqueológica a respeito dos primeiros passos da humanidade no mundo da matemática.

    Já escrevi algo a respeito: Os números e a humanidade (I), mais enfocado no ensino superior de matemática, em cursos de “ciências não exatas”, do que propriamente no tema, em

    http://kosmologblog4.blogspot.com/2008/10/artigos-publicados.html

    A Internet está repleta de informações a respeito, como se pode ver na amostra de 1450 casos relacionados em

    http://www.google.com.br/search?as_q=osso+ishango

    Um muito bom é o da Wikipédia, logo o primeiro da série:

    http://pt.wikipedia.org/wiki/Osso_de_Ishango

    Divulgo, aqui, minhas recomendações a graduados em ciências não exatas, principalmente História, Jornalismo, Letras e congêneres: ao fazerem cursos de pós-graduação, escolherem o seguinte tema para suas dissertações de mestrado ou teses de doutorado: A humanidade teria aprendido a escrever se, antes, não houvesse aprendido a contar?

    Fica aqui, também, o registro para os vestibulandos que às vezes forçam suas vocações escolhendo cursos que não contenham matemática em suas grades de ensino.

    Abraços educacionais, G. G. da Silva

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s