Para Falar de Nada


Acabei de ler um artigo na Folha de São Paulo, do físico Marcelo Gleiser, A morte do Nada. Gosto muito da sua coluna.

Gleiser comenta o fim do Nada, um assunto que eu mesmo já abordei em Nada e Nada de novo. O Nada que o Gleiser aborda é o Nada “real“, ou o vácuo completo. Mas nada continua existindo em outras esferas de realidade, em pensamentos, conceitualmente. Até o fim.

Mas a grande questão é: Exite o fim? Porque o início todos dizem que foi o Big Bang, ou foi Deus quem fez. Mas e antes disso o que era? Nada? Ou realmente o início não existiu? Se não teve início não existe fim. Temos apenas conceito de início e fim, tudo e nada. Somos apenas um conceito? Existimos realmente? Física, Religião, Filosofia. Nada explica isso. Ou melhor: Nada explica isso!!!

Anúncios

2 Respostas para “Para Falar de Nada

  1. O NADA
    O que é o nada? Nada absoluto ou real? Nada só de matéria e não de energia? Podem existir vários tipos de nada, dependendo do ponto de vista. O nada real ou absoluto não existe. Se existisse, não estaríamos aqui. Sabemos pela física que a energia não pode ser criada nem destruída logo, sempre existiu. E como ela foi originada? De que coisas que também sempre existiram, é lógico e, portanto eternas. Assim sempre existiu alguma coisa para se originar outra. Esta existência é uma existência imaterial como, por exemplo: o frio absoluto (ausência de calor), o vácuo absoluto (ausência de pressão), a escuridão extrema (ausência de luz). Além de espaço e tempo. Desta energia é que gerou nosso universo. Saiba como lendo o blog: “Olhando o Universo”.

  2. O nada é a origem do tudo. O nada absoluto não existe, porque se existisse, não estaríamos aqui. O nada é apenas a existência de coisas abstratas e ausentes, como o calor, que seria o frio absoluto, a luz, que seria a escuridão profunda, o vácuo que seria a ausência total de pressão, portanto o frio absoluto, o vácuo absoluto e a escuridão absoluta, geraram a energia potencial extra universo. Esta energia se descarregou em forma de raios gama e originou a matéria. Veja como tudo isto aconteceu, lendo o blog: “Olhando o Universo”.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s